Pombagira Maria Padilha

Larôie Pombagira

Cantigas ou Kurimbas da Rainha Maria Padilha

 

Abre essa tumba quero ver tremer

Abre essa tumba quero ver balancear

 

Maria Padilha das Almas

O cemitério é o seu lugar.

 

É na Calunga que a Padilha mora

É no barranco que a Padilha vai girar.

 

Maria Padilha das Almas

O cemitério é o seu lugar

 

 

Ela é Maria Padilha

Da sandalinha de pau

Ela trabalha pro bem

Mais ela trabalha pro mal

 

Oia Pombagiré, oia pombagiré

oia pombagirá....

 

 

Com uma rosa e um cigarrilho

Maria Padilha já chegou

E na Kalunga ...

Ela é Rainha...

Ela trabalha com muito amor

Sete Cruzeiros da Kalunga

é a morada dessa Mulher

Ela é!!!...

Maria Padilha

Rainha do Candomblê!!

 

 

Maria Padilha

Rainha do Candomblê    

Firma kurimba, minha gente

Que tá chegando a Mulher 

  

 

De onde é que a Maria Padilha vem

Aonde é que Maria Padilha mora

Ela mora na mina de ouro

Onde o galo preto canta

Onde criança não chora

 

 

Exu Maria Padilha

Trabalha na Encruzilhada

Toma conta, presta conta...

No romper da madrugada

 

Pombagira minha Comadre

Firma Fé de noite e dia

É por isso que nós somos

Da sua feitiçaria

 

 

O povo dos Infernos é quem vai levar,

Levar o que não presta pro Além Má

 

Exu Rei da Lira é Lucifer !

Maria Padilha...

Rainha Exu Mulher !!

 

 

Maria Padilha é...

Rainha do Candomblê!

Maria Padilha mora

Nas portas de um Cabarê!

 

 

Maria, Maria Padilha Ela é...

Uma Mulher faceira

Que trabalha Meia Noite e também

A madrugada inteira

 

Sete rosas encarnadas

Vou levar prá essa Maria

Para afastar de mim

Toda feitiçaria

 

Maria, Maria Padilha Ela é...

 

 

Caminhou por toda a Terra

Na Kalunga ela ficou

Lá na Encruza ou lá na Rúa

Ela é...

Camarada sua

Maria, Maria Padilha Ela é ...

 

 

Quem não me respeitar

Oh! logo se afunda

Eu sou Maria Padilha

dos 7 Cruzeiros da Kalunga

 

 

Quem não gosta da Maria Padilha...

Tem, tem que se arrebentar

Ela é formosa, ela é faceira

Oh bela! vem trabalhar

 

 

Moço, você conhece aquela moça

Que trabalha no escuro

Olhando osso,

Osso por osso

Dente por dente

Dia trás dia

Hora trás hora...

Ela é Maria Padilha...

Ela é Maria Mulher

Ela trabalha na Figueira

Por ordem de Lucifer.

 

 

Maria Padilha já chegou

Trago para Ela uma linda flor

Festa no Terreiro, festa no gongá

Chegou Maria Padilha para todo mal leva

 

 

Maria Padilha caminhou..

17 vezes

Maria Padilha trabalhou..

17 vezes

Maria Padilha assobiou..

17 vezes

Caminhou, trabalhou, assobiou 17 vezes